segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Não achou o que procurava?


Se você não encontrou o que procurava aqui no blog, pode deixar um comentário aqui mesmo nessa página com a sugestão do que gostaria de ler. Prometo olhar todos os pedidos com carinho e se conseguir reunir alguma informação relevante a cerca do tema, eu faço um post.

5 comentários:

Bruno disse...

Bom dia, Daniele.
Vou me identificar como "Bruno", mas esse não é o meu nome verdadeiro. Sou formado , e já publiquei alguns livros (de Poemas, Romances, etc.).
Descobri seu blog "baledasninfas" ao fazer uma pesquisa sobre Ninfas e logo me identifiquei com suas palavras ("...Não suporto injustiça. Gente falsa...").
Sou casado, sem filhos, e tenho alguns amigos leais. Mas acho que hoje estou um pouco cansado do ser humano, da sociedade. Existe em mim uma grande tristeza e um grande desejo de manter mais contato com a natureza.
Pouco antes de conhecer o seu blog, eu me peguei (ao retornar de uma viagem) olhando a vegetação, as árvores e todo o verde que margeava uma estrada. Não conseguia parar de olhar e de sentir o desejo de estar em contato com aquilo. Simplesmente estar em contato...
Li quase tudo que achei sobre Ninfas em seu blog e estou realmente fascinado. Me agrada muito a ideia de fazer contato com uma delas. Não para fazer pedidos ou realizar desejos (não que isto seja errado); mas simplesmente para ter por perto um ser leal, feminino, livre de falsidades.
O fato é que eu sei muito pouco sobre magia (nunca fui "iniciado" em nada e nunca realizei qualquer feitiço). Tenho muitas dúvidas. O fato de eu ser casado afetaria esse processo? Corro algum risco se, durante um contato com uma ninfa eu, sem querer, acabar pensando em algo ruim? Se eu, sem querer, pensar em uma frase sobre algo ruim que possa acontecer, ela pode interpretar isso como um pedido e tornar isso realidade?
Quero começar, mas não sei por onde. Você pode me ajudar? Me dar um "Norte" nisso tudo?
Creia, eu só quero ser feliz e tratá-las bem. Da melhor forma possível.
Me ajude, por favor.
Aguardo sua resposta, grato desde já.
Um abraço fraterno!

Daniele Claudino disse...

Olá Bruno!
Em primeiro lugar, não precisa ser iniciado ou mesmo ser um bruxo para contatar as ninfas, basta ter respeito e carinho por elas e pela natureza.
Você ser casado não atrapalha em nada o contato, pode ficar tranquilo quanto a isso, aliás, as ninfas se agradam com casais apaixonados já que elas regem também o amor
Você deve sempre observar sua energia que é Pensamento/Sentimento sempre juntos e nunca separados. Você pensar em algo sem de fato expressar um sentimento forte em relação aquilo não causa afeito nenhum. Ninfas só atendem pedidos que sejam produto de intenção forte.
Eu te aconselho a estreitar mais os laços com a natureza... Tente (se possível) andar descalço (especialmente quando as contata)e sentir a terra sobre seus pés. Preste mais atenção nas árvores ao seu redor e pode falar mentalmente com elas. Se não puder acender velas e incensos não tem problema porque o contato com as ninfas é mais espiritual que físico, tornando mais fácil assim a conexão através da visualização e/ou meditação. Recomendo ter alguma planta por perto para tornar o contato mais imediato. Quaisquer eventuais dúvidas pode me procurar que estou a disposição.

Bruno disse...

Obrigado, Daniele, pela rápida resposta.
Acho que agora tudo começa a fazer sentido, a se encaixar para mim. A alegria e calmaria que eu sempre senti observando o brilho do Sol na água do Mar; as pequenas plantas que sempre insistiram em nascer junto às paredes externas da minha casa; vultos que eu vi, em duas ocasiões, na minha vida (e que eu logo associei a demônios ou algo do tipo); a sensação inexplicável que eu sempre senti ao ascender um incenso em uma época em que eu estava estudando o Budismo...
Quando eu era criança, em certa vez, um tronco cortado de árvore estava caído em meu quintal. Eu poderia jurar que me lembro de uma conversa com uma criatura com uma espécie de cartola verde e uma espécie de monóculo (me desculpe, é a melhor associação que eu consigo fazer para aqueles objetos). Por muito tempo eu esqueci disso. Ontem eu fiquei por alguns minutos olhando fixamente para a imagem que eu pretendo usar mentalmente ao tentar o primeiro contato com minha Ninfa, quando (subitamente, essa recordação me veio a mente. Foi algo totalmente inesperado e inexplicável.
Bom, só queria compartilhar isso com você e te agradecer pela ajuda.
Me perdoe pela mensagem extensa. Mas peço que me diga, sinceramente, como você interpretaria tudo isso. Eu estou "sintomatizando", ou há algum tipo de "chamado" nisso tudo.
Fico no aguardo. mais uma vez, obrigado!
Um abraço fraterno!

Daniele Claudino disse...

Tudo o que posso dizer, Bruno é que você demonstra ter alguma vidência, o que é uma coisa boa porque facilitará em muito o contato com os seres elementais. Só peço-lhe para ser um pouco paciente, caso, não os veja logo de cara porque a magia nem sempre é imediata, mas pelo que você comentou há pouco, acredito que não terá problema nenhum em vê-los ou senti-los porque você tem o dom pra isso.

Bruno disse...

Obrigado, Daniele.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Template by:

Free Blog Templates