sábado, 3 de novembro de 2012

Ninfa das profundezas


Na mais profunda tristeza
a escuridão se arremete,
se alonga e me toca,
despindo-me da luz.
Em seus braços me envolve
e possui-me por inteira!
Cochicha sua trapaça feiticeira.
Adentro em meu manto
e desapareço sob sua densidade.
E de trevas me banho e me enfeito
sem qualquer outra vaidade.
Pois, não é que esse negrume
a mim se une e me afaga
quando sou desprezada pela felicidade?!



Autora: Elisa Maria Gasparini Torres

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Template by:

Free Blog Templates